QUAIS PEÇAS DO CAMINHÃO MAIS QUEBRAM?

Cuidar de um caminhão não é uma tarefa fácil, afinal as peças são mais pesadas e maiores que qualquer carro, além de estarem sujeitas a uma maior pressão devido às longas viagens com carga. Ao fazer uma manutenção, é importante saber quais são as peças que merecem uma atenção redobrada.

Pensando nisso, fizemos uma lista com algumas das peças que mais sofrem com a pesada rotina de viagens e acabam quebrando por diferentes motivos. Confira!

As peças de caminhão que mais quebram.

Sistema de freio.

O freio é uma das partes mais exigidas dos caminhões, principalmente daqueles que carregam bagagens mais pesadas. Devido ao peso, freadas contínuas ou mais fortes, o sistema pode ficar superaquecido, provocando o rompimento das lonas e tambores.

Por este e outros motivos, não é incomum se deparar com problemas nos freios. Esses problemas podem acontecer de diferentes formas, visto que o conjunto é formado por diferentes peças.

Suspensão.

Impossível falar de peças que mais quebram em um caminhão sem citar a suspensão. Isso porque em veículos de carga esse componente é bastante exigido e a situação se agrava com as péssimas condições das rodovias, o que faz com que ela apresente defeitos com uma certa frequência.

Ao fazer a manutenção preventiva, a avaliação da suspensão deve ser inclusa. Se ela estiver muito comprometida, pode ser melhor recomendar o uso de outro veículo enquanto este é arrumado.

Embreagem.

Quanto maior for o peso do veículo, maior será o desgaste da embreagem. Assim, nos caminhões essa peça costuma apresentar falhas regularmente. Para se ter uma ideia, quando o pedal é acionado, o disco da embreagem se separa do disco do motor e facilita a troca de marchas. Mas por ser um componente que trabalha com atrito e sofre bastante com temperaturas elevadas, ela acaba se desgastando.

O problema de uma embreagem mau cuidada é que, enquanto ela continuar nessas condições, mais itens do sistema de transmissão serão arruinados. Ainda, quando essa peça está deteriorada, ela dificulta o engate das marchas e, cada vez que elas arranham, a caixa de câmbio sofre prejuízos permanentes e, na maioria casos, a troca precisará ser feita. O disco do motor é outra peça que pode ser quebrada e, com certeza, isso aumentará bastante o custo de reparo.

Como evitar o desgaste das peças?

Como vimos, essas peças quebram com mais frequência devido a falta revisões regulares e dos cuidados adequados. Para evitar esses desgastes e, consequentemente poupar dinheiro com novas peças e reparos, nós listamos algumas dicas para te ajudar.

Faça manutenção preventiva.

Essa é uma prática fundamental para evitar a degradação das peças e identificar as necessidades de manutenção. Além disso, a manutenção preventiva é mais econômica, se comparada às corretivas – feitas quando alguma peça já está quebrada. Assim, é melhor verificar os componentes e trocá-los antes que estraguem.

Cheque o óleo do motor.

Esse item exerce três funções fundamentais no motor do caminhão: lubrificar as peças para reduzir o atrito, esfriar o sistema e bloquear contra gases resultantes da combustão. Ou seja, ele é indispensável para conservar o motor e impedir o gasto das peças do caminhão.

Verifique o nível e a aderência do óleo regularmente. Dessa forma, você garante que o veículo se mantenha em condições de desempenhar seu papel com eficiência.

Não sobrecarregue o caminhão.

Esteja atento ao excesso de peso que carrega no seu veículo. Sobrecarregá-la irá prejudicar diversos componentes, o que pode encurtar a vida útil. Analise os limites recomendados para o modelo do veículo e siga as instruções do fabricante. Carregar mais carga do que é permitido pode ser lucrativo hoje, porém, aumenta as chances de você sofrer sérios prejuízos com estragos no motor e na maioria das peças no futuro.

Agora que você já sabe quais são as peças que mais quebram, fica mais fácil de cuidar de toda a frota, certo? Mas para garantir que elas durem por mais tempo, invista em peças de qualidade, como as da LAD Embreagens! Para obter mais informações, acesse o nosso site e confira onde encontrar nossos representantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *